Gestão Socioambiental

Educação Ambiental

Promover soluções em educação ambiental para diferentes fases de cada empreendimento (prospecção, instalação e operação) faz parte do escopo da Biometria, que procura trabalhar este tema sempre de foram personalizada e localizada, a fim de fazer com que os personagens envolvidos neste programa reconheçam em si e na área em que estão inseridos a importância do convívio harmônico e sustentável entre os humanos, suas atividades produtivas e a meio ambiente como um todo.

Um programa de Educação Ambiental planejado a partir da precisa detecção das demandas locais e executado de foram correta, pode reverter problemas de cunho ambiental próprio da intervenção antrópica em ambientes naturais e sociais, em uma perfeita sinergia entre empreendimento e comunidade local. Dentre os métodos utilizados para esse fim estão: realização de palestras, elaboração de material didático sobre as características básicas dos ecossistemas locais, realização de campanhas educativas de conscientização, treinamento e capacitação de professores da rede de ensino local, treinamentos de colaboradores orientando-os quanto aos procedimentos ambientalmente corretos no exercício de suas funções, elaborarão de guias informativos sobre a fauna e flora da área do empreendimento para trabalhadores da obra e a população local, entre outros.

Comunicação Social

O Programa de Comunicação Social visa promover o fortalecimento no elo da comunicação entre as comunidades e o empreendimento, assegurando o acesso às informações que possam vir a interferir no cotidiano da população local, em aspectos relacionados às questões ambientais, socioeconômicas e culturais. Contribui assim, para a garantia dos direitos sociais, viabilizando uma maior integração das atividades e a comunidade para com o empreendimento, extremamente benéfica e que deve procurar sempre se manter ao longo de toda vida útil do empreendimento.

Ações bem planejadas e implantadas reforçam os impactos positivos à população diretamente afetada pelo empreendimento, contribuindo diretamente na melhoria da qualidade de vida dos mesmos e ratificando a responsabilidade social do empreendedor para com a comunidade em que se insere.

Diagnóstico Socioeconômico

O diagnóstico socioeconômico de comunidades e municípios afetados por empreendimentos é de fundamental importância, uma vez que propicia dados ao empreendedor, da matriz socioeconômica das regiões onde se pretende alocar um empreendimento. A correta avaliação destes dados permite o conhecimento da realidade socioeconômica local, proporcionando ao empreendedor que se valha deste resultado para o planejamento de programas socioambientais que atendam estas demandas, bem como, o aproveitamento e/ou capacitação de mão-de-obra e fornecimento local, gerando assim uma atmosfera sinérgica entre empreendimento e comunidade.

Cada vez mais fica claro que estabelecer uma relação próxima e parceira com a comunidade é extremamente fundamental e salutar, não somente a aceitação e obtenção de licença prévia, mas ainda mais fundamental ao andamento da implantação e operação do seu empreendimento.

Regularização Fundiária / CAR e PRA

O Cadastro Ambiental Rural (CAR) consiste no mais recente instrumento de gestão pública brasileiro voltado ao cadastramento de propriedades rurais e regularização ambiental, instituído pela Lei 12.651/2012 (Código Florestal Brasileiro). O sistema eletrônico de gerenciamento de dados do CAR permite integrar, de forma georreferenciada (com localização espacial), as delimitações e demarcações de cada propriedade, incluindo Áreas de Preservação Permanente e de Reserva Legal, de forma a compor um banco de dados centralizador de informações fundiárias nacionais. Os dados do CAR representam uma valiosa fonte de informação para a gestão ambiental a nível nacional, úteis a ações de monitoramento, planejamento, controle e fiscalização ambiental.

Aquelas propriedades que apresentarem passivos ambientais, ou seja, irregularidades relativas à proteção e preservação de áreas e ambientes de acordo com a lei, deverão aderir ao Programa de Regularização Ambiental (PRA). O PRA consiste num conjuntos de medidas e ações voltadas a recuperação de áreas irregularmente alteradas e promover a adequada proteção das áreas naturais protegidas pela legislação. Para estas propriedades, a regularização ambiental fica condicionada à execução das medidas previstas pelo PRA, através de um Termo de Compromisso assinado pelo proprietário do imóvel.

Desenvolvimento de Programa Socioambientais

Recentemente os órgãos ambientais têm voltado suas condicionantes e requisições à instalação e operação dos empreendimentos para as necessidades socioambientais das comunidades locais, de onde se desejam empreender. É cada vez maior a necessidade de atender demandas de caráter social, considerando a construção de uma relação positiva entre empreendimento e comunidade local. Neste sentido a correta detecção e percepção destas demandas são fundamentais para que se possa propor programas socioambientais que realmente atendam os anseios da comunidade local e que tenham correlação entre sim, deixando de ser meras ações pontuais /ou paliativas. A experiência da Biometria demonstra que a correta proposição e execução de programas socioambientais não só fortalece a relação entre a comunidade e o empreendimento, como por vezes reverte casos de baixa aceitação ou distanciamento, muitas vezes com ações simples, mas que vão de encontro com os anseios da comunidade.

Caxias do Sul / RS

Rua Silveira Martins, 1595
CEP 95082-000
Bairro Cristo Redentor

João Câmara / RN

Av. Antônio Severiano da Câmara, 1983 B - CEP 59062-360
Bairro Centro

w

54 3039.2001 | 54 3039.2002

biometria@biometriars.com.br

Caxias do Sul/RS

Rua Silveira Martins, 1595
CEP 95082-000 - B. Cristo Redentor

João Câmara / RN

Av. Antônio Severiano da Câmara,
1983 B. - 
CEP 59062-360 - B. Centro